O PROJETO

O PROJETO 

Este é um projeto desenvolvido por alunos do Bacharelado em Ciência e Tecnologia da Universidade Federal do ABC para a disciplina Ciência, Tecnologia e Sociedade ministrada pela Professora Doutora Ana Maria Dietrich no ultimo quadrimestre de 2013.

Fora proposto pela professora que escolhêssemos um tema que relacionasse os “estudos CTS” (BAZZO, 2003) e o conhecimento obtido durante o quadrimestre cursado. Assim, decidimos por debater e pesquisar sobre  ‘MEIO AMBIENTE E CONSUMO CONSCIENTE’ se utilizando como base da animação Wall-E.

INTRODUÇÃO 

Em agosto de 2013, mais especificadamente em 20 de agosto de 2013, a ONG Global Footprint Network, liberou a mídia o resultado da pesquisa que realiza a dez anos e calcula o “Dia da Sobrecarga”.

Este dia representa que a humanidade extrapolou o consumo de recursos naturais que poderiam ser repostos pelo planeta no mesmo período, que neste caso representa um ano, e assim, conclui-se que no ano de 2013, a “Terra teria que ser fechada para balanço” no dia 20 de agosto.

Mas também, este dia, coloca em cheque o atual padrão de consumo da humanidade, e se leva a pensar quão grave é o consumo excessivo de recursos do planeta atualmente e a produção exacerbada de resíduos que não possuem o devido destino ao serem descartados.

Outro detalhe que merece destaque, com os dados da pesquisa, hoje, seria necessário multiplicar a Terra em uma vez e meia para, assim, sustentar o padrão médio do consumo e deterioração do planeta, e se dermos continuidade a obsolescência programa e ao consumismo desenfreado ocorrerá ao Planeta Terra o que se pode ver na animação Wall-E.

OBJETIVO

Discutir e debater sobre possíveis ações para se desenvolver o que se é denominado ‘Consumo Consciente’ visando um desenvolvimento humano se utilizando da tecnologia estabelecida e as pesquisas científicas concomitantemente a conscientização da sociedade perante ao Meio Ambiente.

JUSTIFICATIVA 

O discurso em prol ao Meio Ambiente tem se intensificado, atualmente, presente ao aumento de debates e discussões sobre os impactos ambientais provocados pelo padrão do consumo da humanidade. Tendo em vista as evidências que o Planeta tem enviado aos humanos através dos fenômenos naturais e as tragédias sofridas.

Entretanto, vê-se ainda uma dificuldade constante e um embate rígido pela sociedade perante ao assunto concomitante com os indivíduos que lutam pela causa. Este embate não tem um final à vista e uma resolução definitiva.

Devido ao apresentado no texto da MOREL (1979) e no do PÁDROS são colocados em destaques o “estudos CTS”, que colocam em cheque a intersecção da sociedade, tecnologia e sociedade entrelaçando os três pilares do desenvolvimento sustentável (sociedade, meio ambiente e economia), seriam medidas possíveis para solucionar tais embates, que se colocam em face a integração da sociedade ativamente nas discussões sugeridas se utilizando da ciência e tecnologia para auxilia-la na solução.

Para elucidar os conflitos que estão evidenciados no Planeta Terra, escolhemos a animação Wall-E para destacar e exemplifica-los. O filme retrata um futuro do Planeta devastados pelas atitudes humanas, que destroem a Terra e se mudam para o espaço sideral praticando as mesmas ações que antes, continuando a produção exacerbada de resíduos, alienação referente às políticas públicas e apoiando a obsolescência programada.

Assim, decidimos contribuir para este embate: discutindo sobre o atual padrão de consumo da humanidade   e  o atual mantedor da produção do mercado econômico – a obsolescência planejada. Mostrando as possíveis ações para um Consumo Consciente.

CONCLUSÃO

A partir dessa analise do filme Wall-e podemos concluir que apesar de se tratar de uma animação, a principio, destinada ao publico infantil ,com uma historinha de amor, carregada de imaginação e fantasia, como geralmente são os filmes produzidos pela Disney, o modo como o planeta Terra foi retratado, em uma situação de total destruição, está longe de ser algo impossível.

Pilhas de lixo gigantescas já existe em diversos países só não estão compactados e empilhados como na animação. E como foi apresentado nos documentários “A história das coisas” e “Obsolescência programada”, essa situação está mais do que prevista. Temos um sistema de produção em massa a todo vapor e cada vez menos espaço para armazenar tudo o que é descartado. Não existe jogar fora quando falamos do planeta como um todo. É fundamental que se busque formas de gerenciar tudo isso, já que se trata de problema social que, como tal, demanda esforço de todos e não se resolvem de um dia para o outro.

Isso também pode ser extraído do filme, ou seja, para que se reverta o esse quadro é necessário que a sociedade como um todo esteja emprenhada nesse objetivo. As pessoas precisam ser informadas de maneira correta sobre o que está acontecendo a sua volta, que rumo isso pode tomar e, principalmente, como agir para melhorar.

            Mas nem tudo está perdido, apesar de estar longe de se resolver esse problema, sabemos que hoje este é um assunto muito mais discutido e muito mais presente do que a uns 20 anos atrás, por exemplo. Inúmeras empresas, emboras com interesses distintos, tem seus projetos pautados em sustentabilidade e na questão do meio ambiente, e até se apresentam como ambientalmente corretas considerando isso como um fator positivo de sua marca. Com um pouco de esperança, é possível acreditar que, pouco a pouco, essa ideia vá se espalhando e alterando o cenário atual para melhor.

BIBLIOGRAFIA

http://www1.folha.uol.com.br/ambiente/2013/08/1328888-planeta-esgota-hoje-sua-cota-natural-de-recursos-para-2013.shtml

http://www.cidadessustentaveis.org.br/noticias/usp-debate-producao-e-consumo-sustentavel-de-embalagens

http://noticias.uol.com.br/meio-ambiente/ultimas-noticias/redacao/2013/09/03/humanidade-tem-pouco-tempo-para-conter-mudancas-climaticas-alerta-onu.htm

http://www.mma.gov.br/responsabilidade-socioambiental/producao-e-consumo-sustentavel/consumo-consciente-de-embalagem/quem-e-o-consumidor-consciente

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s